Construtor precisa pensar no imóvel como moeda

Ao construir um imóvel, não se pode apenas pensar na praticidade na utilização, mas também na viabilidade econômica para uma possível comercialização. Afinal, um imóvel pode ser considerado moeda corrente e deve ter um atrativo necessário para uma venda – programada ou em “caso de emergência”. Desta forma, é fundamental adotar alguns cuidados na construção que facilitarão a venda.

Uma das principais observações que se deve Ter está na escolha do terreno e posicionamento da casa. Ou seja, para tornar o imóvel vendável, deve-se, antes de iniciar a construção, conhecer o bairro e seus habitantes. A partir daí, os especialistas afirmam, é que devem ser definidos o padrão construtivo e o tamanho da obra. No que diz respeito ao terreno, o conselho é que adquira-se áreas planas, consideradas mais fáceis para se negociar.

Outro problema abrange a área de lazer, principalmente quando se analisa o aumento da violência nas áreas urbanas. Por conta disso, a tendência é ocorrer um tipo de isolamento das pessoas dentro de casa. Deve-se, portanto. Economizar metros na construção para este tipo de área de lazer. Um pequeno jardim ou uma horta ajudam no relaxamento dentro de casa. Ou, dentro das condições financeiras, uma área onde possa construir uma churrasqueira para reunião nos fins de semana com os amigos.

Segurança ajuda na valorização

A segurança é uma das questões que mais preocupam a população atualmente. Para minimizar os problemas, os estudiosos do ramo da construção dão algumas dicas: “eles acreditam que um muro alto nem sempre á a melhor opção para se defender dos bandidos. Permite ao invasor se movimentar dentro do imóvel sem ser visto de fora”.

A alternativa então seria a instalação de alarmes em janelas para evitar uma “visita desagradável”.

Outra solução encontrada nas cidade grandes para evitar a ação violenta dos marginais também está sendo a escolha de condomínios e minicondomínios.

Em Campinas e região, alguns condomínios fechados de pequeno porte estão sendo construídos. Os empreendedores sempre alertam para o fato de “segurança 24 horas” quando relacionam-se aos seus projetos.

Outro conselho importante para quem quer vender um imóvel é não manter a casa fechada. Isso significa dinheiro perdido. A solução para esse entrave comercial é procurar uma das imobiliárias da cidade, para administrar o negócio.

“Ao tentar vender um imóvel sem o trabalho de um corretor de imóveis podem acontecer duas coisas: o proprietário sair lesado por ter vendido a casa pelo preço menor do que ela valia, ou ficar com ela por muito tempo, se superfaturar o seu valor”,

10 itens que podem facilitar a venda

1 – Se o imóvel tiver um jardim, ele deve estar bem limpo. Um projeto de paisagismo é o ideal para deixá-lo bonito diante dos olhos de um comprador.
2 – Área de lazer sempre chama a atenção e é considerada fundamental para os momentos de relaxamento.
3 – Se o imóvel for de classe alta, deve-se Ter suítes. Quanto mais melhor.
4 – Será melhor manter telhado aparente, com telhas de barro. Se as telhas forem de fibrocimento, esconda-as com a fachada.
5 – Manter um espaço para dois ambientes na sala
6 – Pintar a fachada do imóvel, considerando o cartão de visita, com cores com terra, branco, azul ou amarelo claro.
7 – Na cozinha, os armários têm de ser bem divididos.
8 – Se houver varanda, melhor. Ela funciona como área de transição entre ambientes externos e internos.
9 – Se houver garagem, o ideal é que ela tenha espaço para acomodar mais de um carro. Se não houver, o melhor seria implantar um abrigo coberto.
10 – Ter cuidado na escolha do piso e consultar um especialista.

Fonte: Jornal do Imóvel

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *